Palha / POR Johnny Guimaraes
17 de setembro de 2020

O primeiro homem – uma conversa com Camus


Abalo:
Enxergar na minha mão 
Traços da mão de meu pai.
 
Meus olhos, um espelho e uma lacuna
 
Dedos de ausência
Metros de cartas
Um molde

Quando vejo,
Sou o buraco do pai distante
Quando pisco,
A parte trançada de um retalho

Sustentação sobre cortes, nós e pontos

Eu teci esta trama
estranha
Que me segura
 
Que me embala.
Meus livros à venda
Outras Publicações
%d blogueiros gostam disto: